“Educação doutrinaria”

Causa tristeza saber o quanto a educação brasileira está desfocada. Multidão de professores entra diariamente nas salas de aula com o intuito de capturar corações e mentes para a ideologia do atraso. Reproduzindo conduta histórica da KGB, dos partidos comunistas e da União Soviética, ensina seu auditório cativo, entre outras maledicências, a qualificar como fascista quem não segue sua cartilha. Que contribuição se pode esperar dessa miserável atividade pedagógica para o desenvolvimento social, econômico e cultural do país? Mal sabem tais professores que, quanto mais o país for levado na direção que pretendem, menos recursos haverá numa economia despida dos “odiosos” critérios de conhecimento, estudo, trabalho, mérito, competitividade e produtividade para lhes pagar o que gostariam de receber como remuneração de sua insidiosa tarefa.
por Percival Puggina.

A educação brasileira com a suas conhecidas deficiências estruturais  e pedagógicas fomenta a problemática que são alunos sem formação de um senso critico, assim impossibilita uma formação optativa e opinativa das informações que recebe. Não há uma formação de um filtro avaliativo dos dados e informações no que concerne a sua parcialidade embebida de uma ideologia e suas vertentes historicamente danosa, por exemplo.

A escola que deveria ser um local inócuo e imparcial, tornou um riquíssimo meio formador de militantes de uma causa desconhecida por eles próprios. Meros repetidores e executores de algo que pensam que sabem, mas não sabem descreve-lo quando questionados.

Isso não importa para está ideologia, o que importa é que eles estão sendo “belos soldadinhos” que funcionam dando corda por meio da  inserção do relativismo e subjetivismo dentro de uma roupagem ideológica inserida  em uma “mera” aula de historia ou sociologia. Pois a repetição de uma inverdade tonará uma verdade em uma mente com deficiência nas esferas optativas e opinativas isentas de uma influência tendenciosa.

O jovens podem sair das carteiras das escolas espalhadas pelo Brasil a fora analfabetos formais, mas doutrinados de forma minuciosa certamente  eles continuaram saindo caso não façamos nada a respeito.

por Thiago Henrique Theodoro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s